Pássaros Exóticos

Cigana: origem, características, alimentação, reprodução e habitat

A cigana (Opisthocomus hoazin) é uma ave também chamada de Jacu-cigano pertencente a família Opisthocomidae.

cigana (Opisthocomus hoazin) é uma ave também chamada de Jacu-cigano pertencente a família Opisthocomidae.

Esta é uma espécie de ave tropical que habita os pântanos, florestas ripárias e mangais do delta do Rio Amazonas e do Rio Orinoco na América do Sul.

cigana
cigana

Além disso, este é um tipo de pássaro interessante pois as suas crias possuem garras em dois dígitos das suas asas.

Esta espécie é única dentro do género Opisthocomus, sendo este por sua vez o único gênero existente na família Opisthocomidae.

A posição taxonômica desta família ainda não é clara, visto que é um tópico ainda muito debatido.

A cigana tem um tamanho semelhante a um faisão, com uma altura de 65 cm, e uma longo pescoço com uma cabeça pequena.

Possui uma cara azulada com olhos acastanhados e uma coroa alaranjada e espigada.

Possui uma boa combinação de cores castanhas com uma cor creme como se pode observar na imagem abaixo.

Origem da cigana:

origem da cigana
origem da cigana

A cigana é uma ave da sul-americana, África, embora a espécie mais antiga relacionada com a cigana tenha sido encontrada no estado de São Paulo.

Características da cigana:

caracteristicas da cigana
caracteristicas da cigana

A cigana possui garras é partilhada com uma ave fóssil já extinta, o Archaeopteryx.

Os cientistas já fizeram várias suposições para o facto de a cigana possuir ainda garras, incluindo como adaptação secundária para o ambiente me que vivem.

Tendo ocorrido um atavismo, isto é, o reaparecimento de uma característica no organismo depois de muitas gerações de ausência.

Visto que provavelmente ainda deve estar no código genético das aves informação para o desenvolvimento de garras nas asas.

Devido ao seu cheiro intenso e mau sabor, a cigana é só caçada por humanos em tempos de grande necessidade.

Esta espécie, apesar da sua aparência e peculiaridade não se encontra em risco de extinção, com um estado pouco preocupante.

Alimentação da cigana:

alimentacao da cigana
alimentacao da cigana

Esta é uma ave herbívoro, e alimenta alimenta-se principalmente de folhas e de alguns frutos e flores que crescem nos pântanos, deslocando-se de forma desajeitada por entre os ramos das árvores.

Habitat:

Cigana habitat
Cigana habitat

As ciganas são aves bastante sociais, vivendo em grupos de cinco a 50 elementos, e são tão grandes e desajeitadas como galinhas.

O peso faz com que sejam voadoras medíocres, pelo que passam 3/4 do tempo simplesmente empoleiradas, a esticar as penas para apanhas sol e digerir o pequeno-almoço tóxico.

Reprodução da ave cigana:

reproducao da cigana
reproducao da cigana

As aves ciganas geralmente vivem em pares durante a época de reprodução, mas fora desse período, havia cerca de 50 ciganos.

Seus ninhos são construídos à beira de árvores com galhos e têm sempre entre dois e oito metros de altura. É pequeno em tamanho e de forma plana.

As ciganas põem de 2 a 5 ovos, outra curiosidade bem legal é que esses ovos possuem formas alongadas, creme rosado e tingido de lilás, azul ou marrom.

Alguns pesquisadores acreditam que vários dos ciganos no saco estavam envolvidos na eclosão dos ovos e no cuidado dos filhotes.

Em outras palavras, existe um revezamento, que é uma maneira de cuidar coletivamente do ninho.

O tempo de incubação dos ovos é de cerca de 30 dias.

reproducao da ave cigana
reproducao da ave cigana

Os filhotes nascem sem penas e são totalmente dependentes dos cuidados dos adultos.

Isso vai continuar por pelo menos um mês, mas o mais legal e curioso desses pássaros são os filhotes.

Eles nascem com pequenas garras nas pontas de suas asas. Isso mesmo, eles realmente se parecem com “Filhos dos Dinossauros”.

Na verdade, os pássaros são agora dinossauros. Essas garras desaparecem na idade adulta.

Para se proteger dos predadores, mas isso não é atacar animais.

Além disso, quando se sentem ameaçados por coisas como macacos ou cobras, os filhotes usam suas garras para subir em árvores para evitar o perigo.

Outra tática é pular na água e nadar até uma margem segura. Volte para a toca mais tarde e suba nas árvores com a ajuda de garras.

E, após a independência, os jovens podem permanecer no território dos pais por alguns anos.

Ajude a criar a próxima ninhada e proteja o território.

Distribuição geográfica da ave cigana:

distribuicao geografica da cigana
distribuicao geografica da cigana

Além da discussão sobre sua origem evolutiva, sua origem geográfica também é bastante curiosa.

Embora as ciganas sejam habitantes exclusivas da bacia amazônica, fósseis de fora da Amazônia surpreenderam os pesquisadores.

Foram encontrados fósseis de espécies muito similares com a cigana no sudeste do Brasil e na África que foram classificados como pertencentes à Ordem Opisthocomiformes.

Como o fóssil encontrado na África apresenta características mais primitivas que os daqui, os pesquisadores acreditam que a origem das ciganas deve estar lá.

Fotos da ave cigana:

fotos da ave cigana
fotos da ave cigana

Se pretende ler mais artigos parecido com esse, recomendamos que veja: Uirapuru.

Alan Costa

Sou Graduado em ornitologia pela (UFRJ) Universidade Federal do Rio de Janeiro, sou um amante da vida natural, é focado em sempre levar boas informações aos leitores.

Artigos relacionados

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Fechar