Aves

Sabiá-da-praia: características, alimentação, reprodução, habitat e canto

Sabiá-da-Praia-habitat

O sabiá-da-praia (Mimus gilvus) é uma ave da família Mimidae chamado de sabiá-da-restinga, sabiá-piri e tejo-da-praia.

Sabiá-da-Praia
Sabiá-da-Praia

Hoje no blog dos pássaros vamos trazer aos nosso leitores algumas informações sobre essa maravilhosa ave e origem.

Além disso, é encontrada ao longo da costa brasileira, desde o Rio de Janeiro ao norte e também no Caribe.

Esta ave constrói um ninho com galhos e a criação normal consiste em três ovos verde-acinzentados e a ninhada, apenas das Fêmeas, dura de 13 a 15 dias.

Esta ave defende seu ninho agressivamente contra outras aves e animais, os adultos têm 25 cm de comprimento e pesam 54 g.

Se alimentam de o solo ou a vegetação ou descem de um poleiro para apanhar invertebrados.

Comem principalmente insetos e algumas bagas, podem aproximar-se dos humanos e tirar comida dos pratos ou da mesa.

Além disso, o sabiá-da-praia não tem canto próprio ele reproduz cantos de outros pássaros. Tem uma vocalização variada e musical e canta, por vezes, de noite.

Com cauda longa e plumagem cinza-claro nas costas e branca nas sobrancelhas, lembra os verdadeiros sabiás (Turdus sp.), apesar de não ser parente próximo destes.

Características do sabiá-da-praia

Sabiá-da-Praia-habitat
Sabiá-da-Praia

O sabiá-da-praia é um pássaro que mede 26 centímetros de comprimento e pesa 75 gramas.

Além disso, muitos confundem representantes do gênero mimus com aftas.

No entanto, não há fundamento para essa confusão, pois, além da cauda longa e asas curtas que os distinguem dos turds.

Esta espécie de  ave constrói ninho quase toscos que em nada lembram as moradias bem gradeadas dos tordos.

O sabiá-da-praia possui partes superiores de cor cinzenta e as inferiores muito claras, quase brancas.

Os olhos dos indivíduos adultos da espécie são laranja, esta espécie sem dimorfismo sexual.

A vocalização é notável pela maestria com que imitam os cantos e cantos de outras aves.

Reprodução do sabiá-da-praia

O sabiá-da-praia atinge a maturidade sexual aos 12 meses, e cada ninho geralmente contém 2-3 ovos, geralmente de cor azul, fazendo de 3 a 4 ninhos por estação.

O jovem eclodiu após 13 dias, eles são típicos da costa arenosa, salina do Atlântico, em áreas de vegetação esparsa e rica em cactos.

Eles podem ser encontrados no litoral brasileiro, das Guianas até o Rio de Janeiro.

Em Pipa eles são vistos principalmente entre a Praia Central e a Praia dos Amantes.

Alimentação

sabiá-da-praia consomem frutos, sementes, insetos e minhocas.

Além disso, eles também demonstram grande apetite por pimentas, tal como a pimenta cumari e até costumam esfregar o caldinho das pimentas na plumagem.

Canto da sabiá-da-praia 

https://www.passaro.org/wp-content/uploads/2018/11/Canto-do-Sabiá-da-Praia.mp3?_=1

Fotos do sabiá-da-praia

sabia-da-praia
sabia-da-praia
sabia-da-praia
sabia-da-praia
sabia-da-praia
sabia-da-praia
sabia-da-praia
sabia-da-praia

Hábitos

O sabiá-da-praia habita no litoral atlântico, arenoso, salino, de vegetação esparsa (restinga), rica em cactos.

Se pretende ler mais artigos parecido com esse, recomendamos que veja: Marrecão.

Sair da versão mobile