Pássaros Silvestres

Tordo: Características, Alimentação, Distributivo e Habitat!

Tordo: Características, Alimentação, Distributivo e Habitat!

Tordo e suas Características, Alimentação, Distributivo e Habitat. Além disso, O Tordo ou tordo-comum, tordo-músico ou tordo-pinto (nome científico: Turdus philomelos) é um pássaro canoro de plumagem acastanhada. Várias espécies de pássaros são chamadas de Tordo, mas os tipos mais conhecidos são o Tordo-americano e o Tordo-europeu.

Os primeiros colonos europeus na América do Norte nomearam o Tordo-americano inspirados na ave europeia. Os dois tipos pertencem à família dos rouxinóis. No entanto, os Tordos americano e europeu não são estreitamente relacionados. Hoje no blog Passaro.org vamos detalha tudo sobre o Tordo, tais como suas Características, Alimentação, Distributivo e Habitat!

Tordo Americano
Tordo Americano

Originalmente, ambos eram aves silvestres, mas agora são comumente encontrados também em jardins, gramados e parques. Há Tordos-americanos na maior parte da América do Norte, e a maioria deles se desloca rumo ao sul para passar o inverno. Além de viverem em toda a Europa, os Tordos-europeus ocorrem em partes do oeste da Ásia e do norte da África. Alguns Tordos do norte europeu migram para o sul no inverno.

Características

O Tordo é uma ave pequena, com 20 a 22 cm de comprimento. A plumagem apresenta um tom castanho liso na parte superior do corpo e tom branco-amarelado, malhado de preto, na parte inferior. A face inferior das asas apresenta cor amarela-ferrugínea, perceptível em voo. Distingue-se bem do tordo-ruivo por não possuir listras brancas na cabeça. Os dois sexos apresentam morfologia semelhante.

Tolera habitats frios, úmidos e ventosos, mas não os áridos muito quentes ou os habitats frequentemente gelados. É uma ave tímida e nervosa na presença do Homem. O seu voo é rápido e os indivíduos são normalmente solitários, podendo formar pequenos grupos de alimentação e reprodução.

Tordo ave
Tordo ave

Alimentação

O Tordo é omnívoro, consumindo uma grande variedade de invertebrados, especialmente minhocas e caracóis, assim como bagas e drupas. Tal como o seu parente, o melro-preto (Turdus merula), caça principalmente com a visão, corre aos trancos e barrancos enquanto caça em terreno aberto, e revira folhas em decomposição de forma barulhenta e demonstrativa em busca de alimento.

Os caracóis são particularmente importantes quando a seca ou condições atmosféricas adversas tornam outros tipos de alimento difíceis de encontrar. O Tordo usa frequentemente pedras como uma bigorna para partir a casca dos caracóis antes de extrair o seu corpo mole e invariavelmente esfregá-lo no chão antes do consumir. Aves jovens inicialmente agitam objetos e brincam com eles até aprenderem a usar pedras como instrumentos para partir a casca dos caracóis.

A espécie de caracol Cepaea nemoralis é regularmente consumida pelo Tordo, e foi sugerido que os padrões polimórficos da sua casca são uma resposta evolutiva para reduzir a predação por parte desta espécie; no entanto, o Tordo pode não ter sido a única força de seleção envolvida. Tal como outros melros e Tordo, esta espécie regurgita pequenas bolas contendo as sementes após a partes moles terem sido digeridas.

Tordo canto
Tordo canto

Distributivo e Habitat

Esta espécie encontra-se um pouco por toda Europa e norte de África e foi também introduzida por volta do século XIX na Austrália e Nova Zelândia, registando-se atualmente três subespécies.

Em Portugal pode ser encontrado em locais como matas ribeirinhas, bosques, florestas e até jardins e parques densamente arborizados, espalhados por todo o território nacional, desde as zonas mais altas até ao litoral, embora na época de nidificação prefira a zona do Minho e Tras os Montes.

Nenhuma outra espécie de ave selvagem Portuguesa sofre tantas perdas as mãos dos caçadores estima-se que todos os anos sejam mortos entre seis a oito milhões de Tordo em Portugal.

Tordo
Tordo

Reprodução

O ninho é feito de palha e terra, sendo bastante espaçoso. A fêmea põe entre 4 a 5 ovos, que demora 15 dias a choca-los. Enquanto choca os ovos, cuida também da sua alimentação. Quando os filhotes nascem, os 2 membros do casal partem em busca de alimento.

Abundância e Calendário

Como reprodutor, o Tordo tem uma distribuição limitada ao norte do país, a qual tem vindo a expandir-se para sul em anos recentes. A partir de Outubro, com a chegada de um grande  número de invernantes, a espécie pode ser vista por todo o território. É uma das espécies mais abatidas pelos caçadores.

DEIXE SEU COMENTÁRIO!

Alan Costa

Sou Graduado em ornitologia pela (UFRJ) Universidade Federal do Rio de Janeiro, sou um amante da vida natural, é focado em sempre levar boas informações aos leitores.

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Fechar